23 dezembro, 2010

21 de Dezembro - Investir Tempo




“Porque há um tempo para todo o propósito e para toda a obra” Eclesiastes 3:17
Havia uma jovem rica, que tinha uma linda família, e um emprego que lhe rendia um ótimo salário, mas consumia todo o seu tempo. Um dia seu pai, deu-lhe de presente uma flor cara e única em todo o mundo, dizendo a ela: “Esta flor vai ensinar-lhe muito. Você terá apenas que regá-la e podá-la de vez em quando, e às vezes conversar com ela, e em troca receberá o perfume maravilhoso que ela exala e lindas flores que brotarão”. A jovem ficou emocionada e feliz. Mas conforme os dias se passaram, não conseguiu tempo para cuidar da flor. Ao chegar em casa olhava para a planta e ao ver que estava linda, passava direto. Até que um dia, sem mais nem menos, a flor morreu. Chorando, a jovem contou ao seu pai o que havia acontecido. Seu pai então falou: “Eu não posso lhe dar outra flor, porque não existe outra igual a essa; ela era única, assim como sua família, que é uma benção que Deus lhe deu. Você tem que aprender a regá-la e dar atenção a ela, para que não aconteça o que aconteceu com a flor, pois os sentimentos também podem morrer”.
Reflexão dirigida:
1) Aonde e como você tem investido o seu tempo?
2) Valorizemos nossa família dando-lhe amor e atenção.
3) Que nada nos impeça de investir em nossa vida espiritual.

20 de Dezembro - Para Que Outros Vivam



“O Filho do homem não veio para ser servido, mas para servir, e para dar a sua vida em resgate de muitos” Mateus 20:28
No filme “Anjos da Vida - Mais Bravos que o Mar”, somos levados ao mundo dos nadadores de resgate da Guarda Costeira dos Estados Unidos. Dezoito semanas de treinamento intensivo preparam esses homens e mulheres corajosos para a tarefa de pular de helicópteros a fim de salvar quem está em perigo no mar. Os desafios que eles enfrentam incluem hipotermia e morte por afogamento. Por que alguém se arriscaria tanto por estranhos? A resposta se encontra no lema dos nadadores de resgate: “Para que outros vivam”. Existem pessoas por todo o mundo, lutando e arriscando-se para salvar vidas. E outras, que no anonimato se sacrificam bravamente, se opondo às mais diversas formas de banalização e desvalorização da vida, conscientes que a vida é um dom precioso que nos foi dado por Deus.

Reflexão dirigida:



1) Aonde estivermos que possamos promover a vida.

2) Jesus deu sua vida para que tivéssemos vida em abundância.

3) O amor de Deus rega a vida que há em nós fazendo-a florescer.